O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, rejeitou nesta sexta-feira (30) o pedido de prisão do senador Aécio Neves feito pela Procuradoria-Geral da República.

Assim, Aécio Neves volta a ter direito de exercer as funções como senador:

2 COMENTÁRIOS

  1. A constituição – escrita, emendada e remendada por políticos da mais alta estirpe – não ampara o pedido de prisão…
    ahã…

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome