Imagem: Armando Paiva/Estadão Conteúdo e Daniel Marenco/Agencia O Globo

O Tribunal Regional Federal da 2ª Região condena os ex-deputados estaduais Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do MDB-RJ, por crimes investigados na Operação Cadeia Velha – desdobramento da Lava Jato.

Eles respondem por organização criminosa e corrupção – Jorge Picciani é acusado, ainda, de lavagem de dinheiro. A pena do político é de 21 anos de prisão – a de Edson Albertassi é de 13 anos e 4 meses, enquanto a de Paulo Melo é de 12 anos e 10 meses de reclusão.

Até agora, eles já cumpriram 1 ano e 4 meses de detenção. O trio teria recebido milhões de reais em propina em troca da aprovação de projetos favoráveis a empresas de ônibus e empreiteiras na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome