Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Autor de ataque ao Porta dos Fundos diz que vai se entregar no fim de janeiro

Eduardo Fauzi era filiado ao PSL-RJ e à Frente Integralista Brasileira; ele foi expulso de ambos. (Foto: Divulgação)

O empresário Eduardo Fauzi Richard Cerquise, acusado de participar do ataque com coquetéis molotov à sede do Porta dos Fundos, disse em entrevista exclusiva à BandNews FM Rio que pretende se apresentar as autoridades brasileiras no fim de janeiro.

Fauzi é considerado foragido desde o mês passado e está na Rússia, onde tem família. Segundo o economista, de 41 anos, ele foi a Moscou para passar o Natal ortodoxo com o filho e a viagem já estava programada, com a passagem de volta comprada para o dia 30 de janeiro. As celebrações acontecem nesta terça-feira (7).

O suspeito também afirmou já ter solicitado ao Kremlin asilo político. De acordo com ele, o pedido será analisado após o feriado nacional do país.

Confira a reportagem de Michael Veríssimo: