Momento do combate às chamas no Museu Nacional; 90% do acervo foi destruído. (Foto: Erick Dau/A7 Press)

A Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae) é multada em R$ 5,6 milhões por problemas no fornecimento de água que atrasaram o combate ao incêndio que destruiu o Museu Nacional, no dia 2 de setembro de 2018.

Da capital fluminense, informações com o repórter Gustavo Sleman:

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome