Fabrício Queiroz, ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, do Republicanos, é preso em uma ação do Ministério Público do Rio em parceria com o MP de São Paulo, em um sítio em Atibaia, no interior de SP. A Operação Anjo cumpre ainda outras medidas cautelares autorizadas pela Justiça relacionadas ao inquérito que investiga a prática de “rachadinha” na Assembleia Legilsativa do Rio, onde Queiroz trabalhou para Flávio, quando o político era deputado estadual. O esquema consistia na devolução de parte do salário dos assessores para os parlamentares dos gabinetes onde eram lotados.

Momento da ação da Polícia de SP para prender Fabrício Queiroz, ex-assessor parlamentar do hoje senador Flávio Bolsonaro:

Vídeo: Rádio Bandeirantes

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome