Convocados por grupos neonazistas, mais de 10 mil pessoas protestaram em Berlim contra isolamento social.

A manifestação na capital alemã acontece em meio a uma escalada de contaminações por Covid-19 no país europeu.

Os manifestantes não usaram máscaras e não obedeceram às regras de distanciamento.

O ministro da Economia da Alemanha, Peter Altmaier, pediu recentemente sanções mais duras por violações às regras de isolamento social e ações firmes em casos de “má conduta irresponsável”, por parte da população.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome