(Foto: Agência Senado)

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, pede que o plenário da Corte julgue, na próxima semana, o afastamento do senador Chico Rodrigues (DEM-RR), que foi flagrado com R$ 33 mil entre as nádegas.

A data do julgamento deve ser marcada pelo presidente do STF, Luiz Fux.

O afastamento de Chico Rodrigues já está em vigor e vale por 90 dias, mas a decisão ainda precisa passar pelo Senado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Deixe seu comentário!
Por favor, informe seu nome