Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Ida do prefeito Bruno Covas à final da Libertadores repercute além das redes sociais

 

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas, reassume a cidade hoje depois de duas semanas de licença médica para repousar após uma série de sessões de radioterapia para tratar um câncer.

No último sábado, em meio à licença e à fase vermelha da quarentena no estado, ele foi ao Maracanã assistir presencialmente a final da Libertadores entre Palmeiras e Santos.

Pela internet, Bruno Covas disse que ir ao jogo com o filho era um direito dele em meio a tantas incertezas da vida.

Com a presença do prefeito no estádio, o dono de um dos restaurantes mais tradicionais de São Paulo, resolveu burlar a quarentena e retomou o atendimento ao público.

O responsável pela rede Ponto Chic, Rodrigo Alves, disse que mandou reabrir os salões das quatro unidades na noite de sábado depois de ver Bruno Covas no Maracanã.

Segundo o empresário, a decisão foi tomada em protesto contra a atitude do político, que lhe causou profunda indignação.

FOTO: EBC