Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Já está no ar! Felipe Moura Brasil estreia na BandNews FM nesta segunda-feira

No ar entre 16h e 17h, Salve, Salve, BandNews! também terá os apresentadores Débora Alfano e Fábio França

O novo jornal da BandNews FM – Salve, Salve, BandNews! – estreia hoje, às 16h, com o âncora e um dos maiores influenciadores políticos do País Felipe Moura Brasil. Ao lado dos apresentadores Débora Alfano e Fábio França, ele vai comandar o jornal de segunda a sexta-feira, entre 16h e 17h. Mais cedo, entre 11h e 12h, Felipe Moura Brasil estará no BandNews Rio 1ª Edição, para os ouvintes do Rio de Janeiro, ao lado de Rodolfo Schneider, Thaís Dias e Agatha Meirelles.

Acompanhe a estreia do Salve, Salve, BandNews!:

Neste domingo (21), Felipe Moura Brasil participou de uma live nas redes sociais da rádio e no Youtube, conversando com Fábio França. Flamenguista declarado, confidenciou o nervosismo durante a vitória do rubro-negro em cima do Internacional, partida que terminou com o clube carioca na liderança do Brasileirão. Sobre o polêmico lance que rendeu um cartão vermelho para Rodinei, do Inter, Felipe Moura Brasil concordou que a entrada no tornozelo do adversário “dá margem para interpretação”, mas ressaltou que é a favor da punição pela “inconsequência”.


Vencedor do Prêmio Comunique-se, o Oscar do jornalismo brasileiro, Felipe Moura Brasil também falou sobre os assuntos que serão abordados no Salve, Salve, BandNews!. Citando a saudade de tratar de temas além da política, o novo âncora da rádio destacou que vai falar de cultura, comportamento, artes e esportes, acrescentando que “quando isso é bem feito educa as pessoas para entender melhor a própria política”. “Tento, assim como no campo quando jogo bola, matar a bola, trazer para o chão e mostrar para ouvinte quais são os fatos a respeito daquela questão, contextualizando”, completou.


Na live, Felipe Moura Brasil também analisou os principais assuntos do mundo político, como a mudança na Presidência da Petrobras e a promessa do presidente Jair Bolsonaro de que fará mudanças em outros setores, citando a energia. Para ele, o chefe do Executivo Federal “terceiriza a responsabilidade” e tende a colocar a culpa dos problemas no País “em terceiros”, interferindo na gestão da petrolífera como fez no Ministério da Saúde.


Acompanhe a íntegra da live: