Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Covid-19: Brasil se torna o país das Américas com maior taxa de mortes por milhão de habitantes

Foto: Adriano Machado/Reuters

Dados da Universidade Johns Hopkins apontam que o Brasil ultrapassou México, Peru e Estados Unidos e se tornou o país das Américas com a maior taxa de mortos por Covid-19 por milhão de habitantes. 

São, atualmente, 1.735 óbitos por milhão contra 1.710 dos Estados Unidos, que ainda lideram em números absolutos, com 570 mil mortes causadas pelo coronavírus. 

O Brasil tem, até agora, quase 14 milhões de casos, com 374.682 vidas perdidas – 1.347 nas últimas 24 horas. 

Mais de um milhão e 100 mil pacientes estão em tratamento e quase 12 milhões e meio estão recuperados, segundo o Ministério da Saúde. 

Brasil “ganha” apenas de países com fatores que potencializam o vírus

O âncora da BandNews FM, Luiz Megale, lembra que o Brasil fica atrás na letalidade por milhão de habitantes causada pelo novo coronavírus apenas de países muito pequenos, com o clima muito frio ou com a população muito idosa, fatores que potencializam a ação e circulação do vírus.

Para Megale, a afirmação de que nações como Israel só conseguiram conter o avanço das infecções por serem muito pequenas não passa de uma lenda, uma vez que, caso não fossem adotadas medidas de distanciamento e de contenção do coronavírus, ele se disseminaria da mesma forma como acontece em países maiores. “Se Israel tivesse um Bolsonaro como primeiro-ministro, o país também estaria contando os seus mortos dentro da lista das dez nações com mais óbitos”, afirma o apresentador.

Acompanhe: