Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Eleições: Políticos transferem bens para se livrar de processos

Com a proibição das doações de pessoas jurídicas, candidatos às eleições de outubro estão transferindo os bens das empresas da família, como carros e escritórios, para os próprios nomes.

O objetivo é utilizá-los na campanha e evitar que sejam cassados por abuso de poder econômico pela Justiça Eleitoral.

Quem fizer a manobra elimina o risco de responder a eventuais processos.

Foto: Nelson Jr./ ASICS/TSE